A porta que não range mais, ouvi o barulho mesmo assim

Tudo continua no mesmo lugar que deixou, ainda consigo sentir seu perfume em nosso quarto
Sua camisa jeans está jogada dentro do guarda roupa, ansiando pela sua volta
Os livros continuam jogados pelo chão, como estavam na hora que você partiu
Ainda consigo sentir o beijo que deu em minha testa e logo em seguida disse: “Confia em mim, eu vou voltar”
Eu confiei e já se fazem quatro meses
Seu sorriso não sai da minha cabeça, suas covinhas
Fecho os olhos e consigo sentir seu abraço e ouvir sua voz dizendo: “é só um tchau e  não um adeus”
O que está impedindo de nos vermos de novo? Me diz
A casa fica tão vazia sem você
Eu fico tão vazia sem você
‘o que era bonito se foi e agora é tão normal, um tédio’
Volta, mas volta logo

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: