Qualquer merda escrita em um domingo.

Hoje é domingo, mais um domingo chato e sem sentido, acho que estamos no fim do mundo, o calor está derretendo onde não tem gelo e fazendo de nossas vidas um inferno na terra. Não curto domingos, mas curto o silêncio que ele me traz, as vezes acho que é melhor despirocar e esquecer de tudo, mas não dá entende?! Não dá. Você está longe, longe dos meus braços e eu longe dos teus beijos, você está em outro estado e eu em outro planeta, estamos distantes de corpo e de alma, esse domingo me desanima e você some, desaparece, como o vento que bate em minha janela, o raro vento em meio a esse inferno de calor, me diz qual o sentido de tudo isso que está aqui. Diga! Domingo me traz péssimas lembranças, lembranças de um tempo que eu quero esquecer, mas os domingos não me deixam, o silêncio desse dia me faz lembrar, lembrar… Quero teu calor se misturando com o meu, sua boca no meu corpo, quero você aqui, entende isso?! Domingos assim pedem você aqui, o que está esperando hum?! Que merda de domingo.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: