Algo inacabado.

Ainda lembro do dia em que me apaixonei por você.
Ainda lembro de cada palavra que disse quando pensei que seria recíproco.
E lembro das palavras quando me deixou.
O que deve ficar?
O que deve ir?
Eu ou você.
Você ou eu.
Nós.
Qual o sentido de amar?
Qual o sentindo de procurar pelo recíproco?
Vamos todos dançar ao som da solidão.
Solidão que fez um casinha dentro de mim.
Existe uma confusão dentro de mim.
Algo que me sacode, me faz surtar.
Me sinto aquela garotinha de 12 anos novamente.
Sinto aquele mesmo mesmo, mas em uma intensidade maior

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: