Diário de uma menina solitária – PARTE 3

Hoje está nublado e ventando.
Quem dera se o vento pudesse levar essa tristeza embora.
Sinto a falta dela, pena que não é recíproco.
Noites mal dormidas, dias mal vividos.
Vamos falar de solidão, meu assunto favorito
Quantos livros de poesias espalhados pela cama
Não sei amar como quem as escreve
Não sei falar sobre amor ou qualquer coisa alegre
Sou assim e ponto final.
Uma mistura de sensibilidade e grosseria
Mais sensibilidade, do que grosseria
Ela era mais grosseria, isso me encantava
Masoquismo sentimental? Talvez.
Nem sei se existo isso.
Acho que posso inventar né?
Queria ser poeta e tocá-la com palavras
Pena que ela é intocável
Acho que estou ficando igual a ela.
“Dormi” com uma moça ontem
A única que consegue tirar alguns sorrisos de mim.
Gosto da sua companhia e do seu jeito doce.
Apesar de tê-la em meus dias
Ainda me sinto triste e sozinha
Acho que posso viver com isso.
Sinto um vazio, uma agonia. Credo!
Não sei mais quem sou.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: